Eleitores podem ter o título cancelado em Maricá

GOPR0559-1024x768-1

Mais de 26,6 mil eleitores podem ter o título cancelado na Região Leste Fluminense, considerando Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá, segundo informações do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). No município de Maricá, 1.483 pessoas deixaram de comparecer no período de regularização do documento nos cartórios eleitorais, que terminou no último dia 2 de maio. No ano passado, a cidade tinha 101.202 votantes aptos.

De acordo com o TRE, o cancelamento automático dos títulos deverá ocorrer entre os dias 17 e 19 deste mês. Em todo o país, mais de 1,8 milhão de eleitores estavam com seus títulos irregulares, mais de 257 mil somente no Estado do Rio de Janeiro. Entre os motivos estão à ausência nas últimas três eleições, lembrando que a legislação considera cada turno de votação como um pleito diferente para a efetivação do cancelamento.

Quem não se regularizou dentro deste prazo deverá ir ao cartório eleitoral que fica na Avenida Roberto Silveira, nº 524 A Lojas 03 e 04, ao lado do Carlinhos do Gás, no bairro do Flamengo.

Os eleitores que tiverem o documento cancelado ficam impedidos de votar, obter passaporte, ser empossado em cargo público ou renovar matrícula em estabelecimentos de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo. Aqueles que pretendem obter empréstimos em bancos oficiais ou participar de concorrência pública ou administrativa também podem ter problemas por conta do cancelamento do título de eleitor.

Os eleitores que se enquadram no voto facultativo, ou seja, analfabetos, votantes entre 16 e 18 anos incompletos e maiores de 70 anos, ou pessoas com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral não precisaram comparecer ao cartório para regularizar a situação.

error: Conteúdo protegido!