Sepultamento do pagodeiro ‘Pikitito’ leva centenas de pessoas ao Cemitério de Maricá

594e3fe0-7256-4f41-827e-bb58a8991640

No final da manhã desta terça-feira, 16, o pagodeiro Matheus Moraes Ananias, de 21 anos, mais conhecido como ‘Pikitito’, do grupo maricaense ‘Total Sintonia’, foi sepultado no cemitério da cidade. Centenas de amigos e familiares foram prestar sua última homenagem.

Nas redes sociais, o músico que era bastante conhecido em Maricá, recebeu diversas homenagens.

“-  Tá muito difícil de acreditar mas sei que está do lado de papai! Você sempre estará vivo dentro do meu coração”, comentou uma amiga do pagodeiro no facebook.

ACIDENTE ACONTECEU NA MANHÃ DO ÚLTIMO DOMINGO

O pagodeiro Matheus Moraes Ananias, de 21 anos, mais conhecido como ‘Pikitito’, do grupo maricaense ‘Total Sintonia’, não resistiu aos ferimentos e faleceu no começo da tarde do domingo, 14, Hospital Municipal Miguel Couto, no Leblon, na Zona Sul do Rio.

O acidente do pagodeiro aconteceu às 6h45 da manhã na Estrada de Itaipuaçu, próximo a entrada da Comunidade da Beira Rio, em Inoã. De acordo com testemunhas, Matheus seguia de moto no sentido Inoã quando perdeu o controle da direção e bateu contra o muro de uma casa. Com o impacto da batida, o pagodeiro ficou gravemente ferido e o socorro médico foi acionado para o local. Ainda segundo testemunhas, ele estava sem capacete.

Equipes do Corpo de Bombeiros do Destacamento de Maricá foram deslocados para a área do acidente e realizaram os procedimentos de primeiros socorros ao ferido. Em razão do estado grave da vítima, o helicóptero do Corpo de Bombeiros precisou ser acionado.

O helicóptero do Grupamento de Operações Aéreas (GOA) do Corpo de Bombeiros pousou no Campo de Inoã. O jovem foi colocado na aeronave e levado para o Hospital Municipal Miguel Couto, no Leblon, na Zona Sul do Rio.

Policiais Militares da 6ª Companhia de Maricá registraram a ocorrência na Delegacia de Maricá (82ª DP).

0bc001db-29ae-48e6-9de3-4ea9ffe615c8

REPORTAGEM RELACIONADA

error: Conteúdo protegido!