Acusado de desmatamento é preso pela Polícia Ambiental em Itaipuaçu

Policiais Militares da Unidade de Policiamento Ambiental (UPAm) da Serra da Tiririca prenderam um homem nesta segunda-feira, 13, acusado de crime ambiental em um terreno na Rua 28, no Loteamento Reserva Verde, em Itaipuaçu.

Segundo a PM, após recebimento de denúncia as equipes da UPAm foram até o local e encontraram uma área de aproximadamente 360mts² onde havia sido cortadas árvores nativas (angico branco,aroeira) e de alguns Jameleiros, totalizando 12 árvores.

Um homem de 62 anos também foi encontrado no local e alegou não ser ele o responsável pelos cortes e nem ser o dono do terreno, e que estaria ali somente para limpar o mesmo, já que mora próximo do local.

O homem foi levado para a Delegacia de Maricá (82ª DP), onde foi autuado no artigo  38 da Lei de Crimes Ambientais. Ele responderá o inquérito em liberdade.

Peritos do Posto Regional de Polícia Técnica e Científica (Prptc) estiveram periciando a área.

error: Conteúdo protegido!