Casa da Maysa poderá virar museu em Maricá


(Imagem da Internet)

A casa onde a cantora Maysa vivia em seus fins de semana localizada no bairro de Cordeirinho, na região litorânea de Maricá, poderá abrigar um museu. Esse foi o assunto principal da conversa entre o presidente da Codemar, Olavo Noleto, o diretor de cinema e filho da cantora, Jayme Monjardim, e o secretário de Cultura de Maricá, Sady Bianchin.

O encontro dos três aconteceu na última quarta-feira, 21, para acertar também os detalhes do II Prêmio Maysa, marcado para junho deste ano. A premiação vai para as personalidades locais e nacionais que mais se destacaram em atividades culturais no município.

Além de Maysa, Cordeirinho teve como moradores o ex-senador e antropólogo Darcy Ribeiro e a sambista Beth Carvalho.

error: Conteúdo protegido!