Casa é interditada pela Defesa Civil de Maricá após ser atingida por Ressaca


A ressaca que vem atingindo o litoral maricaense desde o fim do mês passado, continua provocando transtornos. Na manhã desta quarta-feira, 14, uma casa foi interditada na Rua 64, na Praia de Cordeirinho, devido os impactos das ondas na estruturada do imóvel.

Por volta de 11 horas da manhã, a Defesa Civil de Maricá interditou temporariamente um imóvel que estava com as estruturas comprometidas. De acordo com órgão, uma nova avaliação será feita e há uma grande possibilidade da casa ser interditada permanentemente.

A equipe do LSM esteve no local e presenciou a condição do mar e a área do imóvel atingida pela ressaca. Em entrevista à nossa equipe, o filho do proprietária do imóvel falou que a casa foi comprada através de uma imobiliária, que está dando todo o suporte a família, disse ainda; que o prefeito Fabiano Horta, esteve pessoalmente no local para dar suporte e prestar ajuda e solidariedade a família.

Pela manhã, foi emitido um alerta de ventos fortes, com velocidades que podem alcançar à 75 km/h.

Segundo o pescador e morador local, Alexandre Oliveira, conhecido como Xandy Caça Pampos, por volta das 13 horas, o mar volta a entrar em ressaca. “Neste momento, o mar se encontra com dois metros de onda e muitos ventos a sudoeste e esse fenômeno, está acontecendo desde o mês de Julho, que acaba fazendo a remoção da areia. O fenômeno acaba afetando a pesca local e artesanal.” disse o pescador.

error: Conteúdo protegido!