Cemitério clandestino em Maricá: Primeiro corpo retirado é de uma mulher


LSM – O primeiro corpo retirado no cemitério clandestino na Restinga de Maricá, descoberto nesta quinta-feira, 25, pela Polícia Civil, é de uma mulher.

De acordo com informações, o corpo foi encontrado em estado a avançado de decomposição e aparentemente é de uma mulher, que usava macacão listrado e um tênis. Ainda não foi confirmada sua identificação.

O corpo foi retirado com o auxílio de uma retroescavadeira da Prefeitura de Maricá e será encaminhado para o Instituto Médico Legal, de Barreto, em Niterói. A perícia está neste momento trabalhando na descoberta de mais corpos.

O cemitério clandestino foi descoberto em uma operação, chamada ‘ Thanatos’, da Polícia Civil e coordenada pelo Delegado titular Dr Júlio César Mulatinho.

O cemitério clandestino é do tráfico de drogas e lá podem ser encontrados corpos de pessoas que desapareceram nos últimos meses.

error: Conteúdo protegido!