Deputado Marcelo Delaroli cobra incorporação de todos os aprovados no concurso da PM


Decreto autorizando a convocação de 1.373 aprovados em concurso público da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro foi assinado, nesta quinta-feira (05/07), em solenidade no Palácio Guanabara. O deputado federal Marcelo Delaroli (PR-RJ), que desde o ano passado vem cobrando às autoridades estaduais as convocações dos concursados da Polícia Militar, seguirá pedindo a ampliação desse número por considerar fundamental a incorporação de todos os aprovados.

O último concurso realizado, o CFSD 2014, previa o preenchimento de seis mil postos de trabalho na corporação, sendo que 4.000 candidatos foram aprovados.

“Parabenizo todos que conseguiram e estão aptos para entrar na corporação, mas o sentimento não é de vitória plena. O déficit da Polícia Militar é superior a 20 mil, não homologar o resultado de 4 mil aprovados no último concurso não atende à grande maioria das pessoas que se dedicaram, estudaram e almejavam entrar na corporação. Continuaremos cobrando para que seja feita justiça com todos”, afirma o deputado.

Segundo o Governo do Estado, os novos agentes serão convocados por turmas de 500 alunos, de acordo com a ordem de classificação no concurso. Eles farão o curso no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP) e devem começar a atuar em 2019.

Para Marcelo Delaroli a recomposição do efetivo da PM é fundamental, junto com a adoção da escala de trabalho 24×72 horas, fim do RAS compulsório com retorno do RAS opcional, além de treinamento e equipamentos adequados, salários e gratificações em dia.

“Precisamos restabelecer as condições de trabalho dos policiais. Governador e autoridades da segurança pública ainda têm muito a cumprir, chamando todos os aprovados da PM e também nos concursos da Seap e Corpo de Bombeiros”, conclui Marcelo Delaroli.

error: Conteúdo protegido!