Em meio a pandemia de coronavírus, Maricá se torna referência de planejamento econômico no Brasil


Foto por Evelen Gouvêa

LSM – Mesmo em meio a pandemia de coronavírus que está limitando a economia de muitos municípios, Maricá se tornou uma referência no Brasil, chegando a ser dada como exemplo para impulsionar a economia de todo o país.

A informação foi divulgada pela grande imprensa e gerou debates. Atualmente, a cidade de Maricá registrou apenas dois casos de Covid-19 – um já está curado e outro em isolamento domiciliar com quadro de saúde estável – mas mesmo sem muitos casos, adotou medidas preventivas pensando em um possível surto do vírus.

Com o fechamento dos comércios – uma das medidas decretadas pelo Prefeito Fabiano Horta -, muitas pessoas começaram a sentir no bolso o peso da pandemia de coronavírus. Visando em melhorias e em dar um suporte para as famílias mais afetadas pela crise, Maricá aumentou o valor do auxílio do Bolsa Mumbuca, além de antecipar o abono natalino e ainda criou o Programa de Amparo ao Trabalhador – que irá beneficiar mais de 6 mil famílias, disponibilizando um salário mínimo mensalmente por três meses para trabalhadores informais e autônomos.

A cidade de Maricá mostrou a força do bom planejamento econômico e além de ajudar os próprios moradores do município, colaborou com a construção de um hospital de campanha no município vizinho – com maior número populacional mas também o mais necessitado – São Gonçalo, que já se encontra em fase de contaminação comunitária do vírus.

Muitos jornais já colocam Maricá como referência nacional e que as ideias da Prefeitura deveriam ser implantada em todo o país como o Fundo Soberano, como o planejamento pensando no futuro e com agilidade, mirando na liberdade econômica sem depender apenas dos royalties. Um exemplo para todo o país.

error: Conteúdo protegido!