Felipe Zuca: Revelação do Maricá acerta com time de Goiás


Revelação, artilheiro e segundo melhor jogador da Série B2 do Campeonato Carioca, Felipe Zuca teve uma temporada dos sonhos pelo lado pessoal. No coletivo, bateu na trave com o Maricá na luta pelo acesso. O destaque chamou atenção do futebol do Centro-Oeste e é para lá que o jovem vai. Aos 21 anos, Zuca vai defender as cores do Goiânia (GO) em 2019 e já pensa em estreia na casa nova.

– Estou falando pela primeira vez. Assinei um pré-contrato com o Goiânia (GO) para jogar o Campeonato Goiano e estou feliz. Já viajo no dia 27 e busco evoluir e ajudar muito minha nova equipe. O primeiro jogo já é contra o Goiás, no Estádio Olímpico. Estou feliz pela oportunidade de jogar lá e que Deus me abençoe em mais um ano.

Em sua estreia como profissional, Felipe Zuca acabou a temporada com três conquistas individuais. Mas coletivamente o acesso com o Maricá não veio. O atleta avaliou de forma positiva a temporada, elogiou as comissões técnicas com as quais trabalhou e ainda vislumbrou um 2019 ainda melhor.

– Foi um ano muito bom. Meu primeiro ano como profissional. Aprendi muito. Treinei com comissões excelentes do profissional e sub-20 do Maricá. São grandes profissionais. Me ajudaram a evoluir bastante, tenho muito a evoluir ainda. Só tenho a agradecer a Deus, minha família que sempre me apoiou. 2019 vai ser bem melhor.

Destaque ofensivo do Maricá, Zuca tinha o exemplo do técnico Sorato no dia a dia. O atacante se definiu como “fominha” na rotina de treinamentos. Foi preciso que o comandante equilibrasse a empolgação do jovem atleta.

– Eu era bem fominha. Sempre pedia para treinar finalização. Às vezes ele pedia para segurar, porque tivemos um treino mais forte. Mas ele sempre explicava, mostrava o que tava errado. Sempre agregou muito e me ajudou a atuar bem esse ano.

error: Conteúdo protegido!