Lei pode proibir que motorista de ônibus em Maricá também seja cobrador


A dupla função dos motoristas que também são cobradores pode ser extinta, em Maricá. O vereador Ricardinho Netuno (Patri) propôs através de um Projeto de Lei que motoristas de ônibus de Maricá (RJ) não possam exercer as duas funções, como foi proibido em outros municípios, como em São Gonçalo, São Mateus, entre outros.

Segundo o vereador Ricardinho, a proibição seria para garantir a segurança do motorista e dos passageiros, em vista que a atenção fica divida em dar o troco e em dirigir, além de gerar mais empregos com a criação de cargos exclusivo de cobrador.

A proposta foi colocada em votação na sessão ordinária na Câmara Municipal, desta segunda-feira, 30, e acabou gerando um pequeno debate sobre quais as linhas que seriam afetadas, pois as linhas intermunicipais seria de regulamentação do Estado e não caberia a Câmara de Vereadores legislar sobre esfera acima da municipal.

Na PL criada por Ricardinho Netuno destaca que seriam apenas as linhas municipais e que caberia à Alerj a proibição em linhas intermunicipais, como Maricá x Niterói.

O projeto de lei foi aprovado em primeiro turno por 14 votos favoráveis e irá a segundo turno para ser votado e, caso provado, segue para sanção do prefeito Fabiano Horta.

error: Conteúdo protegido!