Ludmila faz a festa em setembro no Dia do Estudante


Com o apoio da Prefeitura de Maricá através da Secretaria de Participação Popular, Direitos Humanos e Mulher, a União Maricaense dos Estudantes (UMES) vai trazer no dia 01/09, às 22h, a cantora Ludmila, para fechar com chave de ouro a comemoração pelo Dia do Estudante. A expectativa é que cerca de 10 mil estudantes compareçam na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro.

“Essa é uma data para exaltar a luta dos estudantes pela educação. Na atual situação o Dia do Estudante foi pensado para celebrar a resistência e a união”, explicou a presidente da UMES, Yeza Aguiar.

Segundo ela, desde o dia 11/08, em que se comemora oficialmente a data, os grêmios estudantis realizam atividades nas escolas do município. “Os estudantes envolvem os alunos em palestras, conversas sobre a luta do ME e atividades culturais”, completou. Independentemente da plataforma, os estudantes de Maricá acreditam que Ludmila é o grande nome para comemorar a data. “Estarei lá bem próximo do palco. Não perco a Lud por nada”, declara Luane Vasconcelos, militante estudantil.

Cantora e compositora Ludmila nasceu em Duque de Caxias (RJ) em 1995 e se tornou conhecida em 2012 com a canção “Fala Mal de Mim“, quando ainda usava o apelido MC Beyoncé. Foram mais de 15 milhões de visualizações no YouTube só com esta música, que lhe rendeu projeção no país e no exterior.

Desde 2013 usando o próprio nome, Ludmila coleciona sucessos, como:“Sem Querer“, “Te Ensinei Certin“, “Não Quero Mais“, “24 Horas por Dia“, “Cheguei“, “Não Encosta” e “Din Din Din”. Considerada a artista negra mais seguida no Instagram, com mais de 12 milhões de seguidores na plataforma, Ludmilla é uma das cantoras pop mais popular do Brasil.

error: Conteúdo protegido!