Maricá abrirá CPI contra a Enel Distribuição Rio


O vereador Cemar falou sobre a situação judicial contra a concessionária de energia elétrica Enel Distribuição Rio durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal, nesta quarta-feira, 5. Uma CPI feita pela Câmara Municipal está sendo criada e se juntará com a CPI feita pela ALERJ.

Cemar subiu na tribuna anunciando o resultado na audiência da Comissão de Defesa ao Consumidor, que foi realizada nesta terça-feira, 4, em Brasília, na qual a Enel foi citada e penalizada.

“Ontem, aconteceu em Brasília, uma audiência onde a deputada Zeidan, representando a Alerj, através da CPI. O deputado federal Áureo, a qual atendendo tão bem ao nosso pedido quando estivemos em Brasília, solicitou essa audiência à Enel e ontem, a Enel foi arruinada.”

De acordo com parlamentar, ele está trabalhando para a implantação de uma da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) contra a concessionária. O documento já foi assinado pelos vereadores e está em fase final.

“Eu não pude estar presente em Brasília, pois estava trabalhando nos últimos passos para a implantação da CPI aqui na nossa cidade e hoje, quero apresentar ao povo de Maricá o Requerimento de Instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito em Face da Ampla/Enel Energia Serviços S/A. Hoje vai ser protocolado, já colhemos as assinaturas mais que suficientes, temos aqui assinatura de todos os vereadores presentes na casa e tenho certeza que aqueles que não estão aqui presente irão corroborar e assinar o nosso requerimento que vai ser protocolado.”

Segundo o vereador, a audiência pública da CPI da Enel e Light feita pela Alerj estará sendo realizada no Centro de Maricá, onde vai estar sendo incorporada a CPI feita pela Câmara Municipal. O vereador convocou a participação da população.

“Aproveito para convidar a população de Maricá para se fazer presente na próxima segunda-feira, 10, às 17 horas, no Cine Teatro Henfil, aonde a deputada Zeidan vai estar trazendo a Comissão Parlamentar de Inquérito destinada a investigar irregularidade na prestação de serviço desta companhia e iremos estar incorporando junto com a da Alerj, a CPI desta casa.”

Cemar finalizou sua fala agradecendo a participação e o trabalho dos vereadores que contribuíram com a criação da CPI contra a empresa que vem prestando péssimo serviço a população de Maricá.

“Eu quero agradecer os nobres vereadores que unidos, fizeram corpo com a gente para estar prestando esse serviço de grande relevância a população de Maricá. Eu vejo a nossa câmara como um só corpo, todos os vereadores estão trabalhando unidos para que juntos possamos trazer solução para esse problema que Enel, que conseguiu bater todos os recordes negativos no pequeno e curto período de tempo em que a Ampla havia batido na sua gestão, não só na cidade de Maricá como também no Estado do Rio de Janeiro.” E complementou. “A CPI é da casa. A CPI não é minha e nem da comissão que vai estar representando ai. A CPI é do corpo. E todos nós vamos trabalhar incansavelmente para conseguir resultados positivos para a população de Maricá”

error: Conteúdo protegido!