Moradores e pescadores ficam preocupado com a paralisação das obras no Recanto


A paralisação das obras no Canal do Recanto de Itaipuaçu tem causado indignação de moradores e turistas que frequentavam o local. Populares tem usado as redes sociais para publicar repúdio e reclamação após o embargo da obra.

A obra estava sendo realizada pela autarquia Serviço de Obras de Maricá (SOMAR) desde 6 de julho, com o objetivo de aumentar a passagem de água do mar para o canal do Recanto, fazendo que a mesma promovesse oxigênio e em caso de alagamento despejasse a água excessiva fosse para o canal e esgotasse no mar.

Porém após denuncias sobre irregularidades na obra, a Polícia Federal, na ultima sexta-feira dia 9, esteve em Maricá e embargou a obra, enquanto as licenças ambientais estão sendo averiguadas e apuradas sobre a legalidade nos órgãos competentes.

No entanto, o embargo causou insatisfação aos moradores que acompanhavam a obra e esperava pelos resultados. A paralisação também gerou reclamação de turistas que frequentavam, principalmente, nos dias de sol.

“Desde que conheci o canal ele já pedia Socorro,mas ninguém queria escutar. Com o tempo passando ele começou à deteriorar. HOJE sem nenhum tratamento irá de mal à pior.E assim está o nosso meio Ambiente.” falou Mirian Lucia em nossos comentários

“Projeto importante tem que ter continuidade canal sem vida e com inicio de fedor tem despejo de esgoto clandestino, triste!” comentou Fabrizio Cesar
deixe sua opinião sobre o assunto em nosso comentários .

error: Conteúdo protegido!