09/11/2016 às 11h22min - Atualizada em 09/11/2016 às 11h22min

Major do BOPE dá palestra em curso de capacitação da Guarda Municipal de Maricá

15036356_1141849405897964_8596645406367766205_n

15036356_1141849405897964_8596645406367766205_n

Guardas municipais de diferentes municípios que participam do curso de capacitação ministrado pelo Grupamento Tático Operacional (GTO) da Guarda Municipal de Maricá assistiram nesta terça-­feira (08/11) uma palestra com o major PM Ivan Blaz, que foi porta­voz do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e atuou na unidade também nas áreas de negociação e resgate de reféns. As aulas, que começaram no último sábado (5) e têm a coordenação do GM maricaense Marcos de Souza Teles, tem disciplinas como Operações Táticas, Inteligência, Condução de Distúrbios Civis, Uso de Armas não Letais e Patrulhamento com Cães. A palestra foi realizada no auditório do prédio do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), onde os guardas conheceram a central de videomonitoramento do município. Ao lado do instrutor da GM do Rio, Augusto Garra, o oficial falou sobre a importância da imagem pública da corporação junto ao cidadão. “Vivemos numa sociedade de comunicação e o agente público, como o guarda municipal, é um porta­voz por natureza que zela pela imagem institucional de sua corporação”, pontuou o major Blaz. Ao lado dele, o GM Augusto Garra frisou que o foco é sempre a melhoria das ações. “O objetivo tático é único, a proteção sistêmica da população. É importante que o contato direto com o cidadão que o guarda municipal tem diariamente pode e deve ser dinamizado”, afirmou o instrutor. Em sua palestra, Ivan Blaz lembrou como o Bope construiu o perfil de referência que tem atualmente desde o início de suas atividades, em 1978, através de alguns dos principais episódios de sua história, como a ocupação do Complexo do Alemão (na Zona Norte do Rio, em 2010) e a dramática negociação do ônibus 174, em 2000. Na plateia, estavam agentes de cidades como Niterói, Guapimirim e São Pedro da Aldeia, além dos de Maricá. “Está sendo um grande aprendizado. Onde atuo não temos oportunidades como esta, que mostram coisas importantes como trabalho em equipe mais ostensivo e voltado para grandes eventos”, avaliou João Ricardo de Paula Meireles, de 26 anos, que é agente da guarda em Niterói. Para Roni Medeiros, da GM de Guapimirim, será uma chance de levar o que aprendeu para os colegas de farda de sua cidade. “Creio que vai me acrescentar bastante, quero aproveitar o máximo a instrução aqui”, garantiu ele, que tem 31 anos. De acordo com o secretário adjunto de Segurança Pública de Maricá, Luiz Alberto Santos, as aulas do curso terminam no próximo dia 20 e haverá uma cerimônia de encerramento numa data ainda a ser confirmada.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp