03/12/2016 às 17h19min - Atualizada em 03/12/2016 às 17h23min

Novo Coronel da PM esquece Maricá e prioriza segurança de Niterói

2016-950625298-201611092018094052-jpg_20161109

2016-950625298-201611092018094052-jpg_20161109

Por Romário Barros- Desde que assumiu o comando do 12º BPM em 8 de Novembro, o Coronel Márcio Oliveira Rocha não apareceu em Maricá para se apresentar a tropa e menos ainda aos moradores da cidade. Ele está priorizando apenas a segurança do município de Niterói. Somente no mês de novembro foram 59 roubos de rua e 14 roubos de veículos, números alarmantes para um município como Maricá. Segundo levantamento feito pelo LSM, o Coronel retirou oito policiais militares das Ruas de Maricá e os deslocou para Niterói, diminuindo o efetivo que em nosso município já é precário. Além disso, mudou a escala de serviço de todos os PMs de Niterói e Maricá. Policiais Militares de Maricá estão sendo obrigados a se apresentar no Batalhão em dias de folga para patrulhar, a pé, o Centro de Niterói. Com todas as mudanças, a tropa está desmotivada ficando obrigada a ficar em pontos de baseamento, em horários determinados, impedidos de patrulhar as ruas do município, como era feito na época do Coronel Fernando Salema. Policiais Militares do Patrulhamento Tático Móvel (PATAMO) da Companhia de Maricá também estão tendo que sair do nosso município para fazer baseamento em comunidades de Niterói, deixando mais uma vez a nossa cidade com pouco efetivo. Os Militares de Maricá também estão tendo que se virar para fazer a manutenção das viaturas, pois desde que acabou o convênio com uma empresa terceirizada e o Governo do Estado, os PMs estão tendo que correr atrás de peças para manter os veículos rodando em nosso município, mas mesmo assim estão indo cumprir ordens do Coronel em Niterói. Para piorar, os salários da corporação estão atrasados. Sem contar que não há previsão do pagamento do 13º salário.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp