12/12/2016 às 10h27min - Atualizada em 12/12/2016 às 10h30min

Guarda-Vida resgata criança que estava se afogando em piscina de Cordeirinho

[caption id="attachment_108085" align="aligncenter" width="800"]
30ea9bce-ef54-42e7-9573-aef596194eb4

30ea9bce-ef54-42e7-9573-aef596194eb4

Thiago Gonçalves em mais um dia de trabalho. (Foto :: Divulgação)[/caption] "Thiago Gonçalves". Esse é o nome do herói deste domingo, 11, em Maricá. O Guarda-Vida da Defesa Civil Municipal voltava de mais um dia de trabalho no litoral maricaense quando na Rua 107, em Cordeirinho, escutou um grito de socorro vindo de uma casa. Era uma família desesperada por conta de uma criança de quatro anos que havia se afogado em uma piscina. O Guarda-Vida foi até a casa e viu que a criança já estava em grau 6 (Parada Cardiorrespiratória). Ele teve que fazer uma Reanimação Cardiopulmonar (RCP). A criança foi reanimada e voltou a respirar. Uma ambulância do Corpo de Bombeiros do Destacamento de Maricá foi deslocada para o local e a criança foi levada para o Hospital Municipal Conde Modesto Leal, no Centro. Segundo informações, a criança foi medicada e liberada no domingo mesmo da Unidade Hospitalar e passa bem. "- Hoje agradeço a Deus pelo que aprendi e pelo que pude fazer pela criança. Sou grato a minha experiência na qual eu amo", disse o Guarda-Vida. Os Guarda-Vidas da Defesa Civil estão passando por dificuldades de trabalho. Eles estão tirando serviço sem material de trabalho e se dizem abandonados pelo Governo Municipal.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp