25/04/2017 às 09h16min - Atualizada em 25/04/2017 às 09h22min

Competição reuniu 16 povos indígenas na Restinga de Maricá

[gallery columns="1" link="none" size="full" ids="118335"] Entre 20 e 23 de abril, a aldeia Tekoa Ka’ Aguy Ovy Porã (Aldeia Mata Verde Bonita), na cidade de Maricá, recebeu a 2ª Jornada Esportiva e Cultural Indígena (JECI 2017) que reuniu 16 povos indígenas de cinco estados. O evento promoveu manifestações culturais, entre apresentações de danças, música e gastronomia indígenas; e competições esportivas, como cabo de guerra, luta corporal, maracá, natação, arco e flecha, arremesso de lança e futebol. Para o cacique da Aldeia Mata Verde Bonita, Darcy Tupã, a realização da Jornada Indígena é um grande presente para o seu povo e seus parentes. "Estamos nos dedicando desde o ano passado para essa jornada esportiva. Essas lágrimas que estão caindo são de emoção, estou há três dias assim. É uma sensação de dever cumprido", disse. "Maricá vai mostrar para o mundo como derrubar barreiras e preconceitos. Eu sempre falo que a nossa evolução no passado interferiu no nosso presente e Maricá está ajudando a curar essas feridas", afirmou. O prefeito de Maricá, Fabiano Horta, salientou a importância do evento para a cidade, para o fortalecimento da cultura indígena local e para os próprios indígenas do País. "Para nós é uma grande satisfação, uma reafirmação e valorização da cultura indígena para os próprios índios e para a própria sociedade. Há uma grande troca cultural de aprendizado desse povo responsável pela formação do País", afirmou.

Fotos da Michele Iassanori

[gallery columns="2" link="file" ids="118309,118310,118311,118312,118313,118314,118315,118316,118317,118318,118319,118320,118321,118322,118323,118324,118325,118326,118327,118328,118329,118330,118331,118332,118333,118334"]  
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp