22/05/2017 às 19h10min - Atualizada em 23/05/2017 às 10h57min

Vereadores fazem abaixo-assinado reivindicando permanência do Delegado de Maricá

IMG_5971 (800x533)

IMG_5971 (800x533)

Vereadores de Maricá protestaram e se mobilizaram contra a saída do delegado, Júlio César Mulatinho, e do comissário de polícia José Renato Oliveira, lotados na 82ª DP (Maricá) durante a sessão ordinária da Câmara nesta segunda-feira (22/05). Os parlamentares repudiaram a decisão da Polícia Civil de transferir os policiais para outra delegacia. Tanto que a Câmara irá encaminhar um ofício ao Governo do Estado solicitando a permanência dos profissionais. Um abaixo-assinado pedindo que os policiais continuem na delegacia também está sendo organizado. Na próxima quarta-feira (24/05) serão concedidas moções de aplausos e congratulações aos dois. O vereador Frank Costa (SDD) solicitou ao Estado que não fizesse alteração na delegacia. “Queria pedir à Secretaria de Segurança para rever a mudança na delegacia de Maricá. São duas pessoas que trabalham muito por esse município”, pediu Frank. Os vereadores renderam elogios aos policiais. “O Mulatinho (Delegado) é muito atuante. Você o vê na cidade conversando com os moradores. Ele é um excelente delegado”, disse Chiquinho. Rony Peterson também opinou sobre mudança. “Nada contra quem vem para cá, mas a questão é que o delegado tem feito um bom trabalho. O Estado vem tirar o que presta para levar para outro lugar”, disse. SAÍDA DA 82ª DP A Polícia Civil publicou na última sexta-feira, 19, em seu Boletim Informativo, mudanças das titularidades de várias delegacias de todo o estado. Em Maricá, o Dr. Júlio César Mulatinho Neto, que estava há quase quatro anos no comando da 82ª DP, deixa o cargo. Ele foi transferido para a Delegacia de Iguaba (129ª DP). MULATINHO DESDE 2013 EM MARICÁ Dr. Júlio César Mulatinho Neto tem 42 anos de Polícia Civil e está no comando da 82ª DP desde de 2013. Ele faz um brilhante trabalho a frente da Unidade Policial, juntamente com o Chefe do Setor de Investigações, José Renato Oliveira. Mulatinho chega na Delegacia às 8 da manhã e só sai às 8 da noite, considerado assim, um dos delegados mais atuantes do Estado do Rio de Janeiro. Ele esteve a frente de investigações que resultaram em diversas prisões, algumas delas se destacaram como a prisão de homem que ateou fogo em uma mulher em Itaipuaçu, a prisão do 'Totonho' ( Chefe do tráfico da Comunidade do Arrastão, em São Gonçalo), da elucidação da morte de 'Denílson do Parapente' (importante líder comunitário de Maricá), da prisão de um casal que matou uma jovem 'esganada' no bairro de Cordeirinho, na Região Litorânea de Maricá e de onze traficantes do município que foram presos após interceptação de escuta telefônica, entre outras. Confira a íntegra da sessão desta segunda-feira, dia 22, no vídeo abaixo
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp