21/06/2017 às 15h19min - Atualizada em 21/06/2017 às 15h19min

Cartão Reforma: Maricá poderá priorizar famílias atingidas por enchentes

Deputado federal faz pedido ao prefeito para que moradores afetados por alagamentos possam reformar suas casas
19275327_1513108302093580_5910523548765417473_n

19275327_1513108302093580_5910523548765417473_n

Famílias de baixa renda, residentes em Maricá, que tiveram suas casas atingidas por enchentes, inclusive a ocorrida na tarde e noite de ontem (20/06), devem ter prioridade da Prefeitura de Maricá para cadastramento no programa Cartão Reforma. É o que espera o deputado federal Marcelo Delaroli (PR-RJ), que fez esse pedido ao prefeito, e chega ainda nesta quarta-feira (21) à cidade para avaliar quais outras medidas podem ser efetivadas em benefício da população prejudicada pelos alagamentos. São José do Imbassaí, Inoã, Itaipuaçu e Santa Paula estão entre as regiões mais atingidas pela chuva. Em Maricá, poderão ser cadastradas 434 famílias no Cartão Reforma, segundo o site do Ministério das Cidades. Famílias com renda menor de R$ 2.811 terão direito a receber cerca de R$ 5 mil para comprar materiais de construção. Não se trata de um empréstimo, que endividará as pessoas, levando-as a arcar com prestações e juros, mas sim de um dinheiro entregue a essas famílias para que possam reformar suas casas. A seleção de quem poderá obter o cartão reforma ficará a cargo das prefeituras, que também serão responsáveis pela fiscalização das obras. Os prefeitos poderão fazer as inscrições quando o edital for lançado pelo governo federal, previsto para ocorrer em breve. Marcelo Delaroli, que conversou por telefone com o prefeito de Maricá, durante a madrugada, por estar em Brasília, antecipou a viagem de volta ao Rio de Janeiro, reforçando a necessidade de união em prol dos moradores de Maricá prejudicados pelas chuvas. “Não podemos medir esforços neste momento. Já conversei com o prefeito pedindo prioridade no cadastramento do Cartão Reforma. Vamos fazer o que for possível para que as pessoas atingidas pelas enchentes sejam assistidas”, afirma o deputado. Delaroli lamenta que a população de Maricá ainda sofra as consequências de oito anos de maquiagem da cidade. “A administração anterior não reconhecia suas responsabilidades e erros, como ter construído o condomínio do Minha Casa, Minha Vida em uma área de alagamentos. Continuo oposição ao governo, mas sempre colocando o povo de Maricá acima de tudo. O prefeito tem mostrado atitude para amenizar e resolver esse problema das enchentes, e pode contar com o nosso mandato, estamos aqui para servir aos moradores, contribuir para o desenvolvimento da cidade”, conclui o deputado.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp