08/03/2018 às 10h10min - Atualizada em 08/03/2018 às 10h10min

Polícia identifica crime ambiental dentro de área de preservação permanente em Inoã


Nesta quarta-feira (08), com auxilio de informações encaminhadas pelo Linha Verde, programa do Disque Denúncia do Rio específico para denunciar crimes ambientais, policiais militares lotados na Unidade de Policiamento Ambiental da Serra da Tiririca identificaram no município de Maricá, uma área com cerca de 200 metros quadrados desmatada no bairro de Inoã. De acordo com os agentes da 6ª UPAm, o crime ambiental vinha ocorrendo na Rodovia Amaral Peixoto, no quilômetro 14, onde havia diversos veículos velhos estacionados próximo a um curso de água, dentro de uma área de preservação permanente. No momento da fiscalização, um trabalhador se apresentou aos policiais, porém como ele não possuía nenhuma autorização ou licenciamento para a atividade que estava sendo executada, os agentes da UPAm se encaminharam à 82ª DP, onde a ocorrência foi registrada com base no artigo 39 da Lei de Crimes Ambientais. O Linha Verde solicita que a população continue denunciando crimes ambientais no Estado do RJ através dos telefones (21) 2253 1177; 0300 253 1177 (interior, custo de ligação local) ou pelo aplicativo para celulares “Disque Denúncia RJ”, onde o denunciante pode enviar fotos e vídeos com a garantia do anonimato. [gallery columns="2" ids="149206,149207,149208,149209"]
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp