07/05/2018 às 16h05min - Atualizada em 09/05/2018 às 12h47min

Vereadores criticam esquema de policiamento do Governo do Estado em Maricá


Na última semana foram entregues mais de 200 viaturas policiais para municípios do Estado do Rio de Janeiro. Ao 12º batalhão, responsável pela segurança em Niterói e Maricá, foram entregues 15 veículos e apenas um foi destinado a Maricá. O líder do Governo, Fabrício Bittencourt e o vereador Felipe Auni lamentaram e repudiaram veementemente o descaso ao enviar uma única viatura para a cidade. 

 “O 12ºBPM recebeu 15 viaturas e somente uma veio para Maricá. Enquanto isso, o prefeito disponibilizou mais seis novas viaturas para nossa cidade. Acho que, no mínimo, cinco viaturas deveriam vir pra Maricá atender à população. Deixo aí a minha colocação ao coronel Rocha para que ele olhe com mais carinho para nossa cidade”, disse Fabrício Bittencourt. 

O vereador Filippe Poubel (PSL) lamentou mais uma vez a morte de policiais e aproveitou para informar que protocolou dois projetos de lei para beneficiar familiares de agentes de seguranças mortos no Rio.

“Chegamos ao mês de maio e com ele a triste estatística de mais de 125 policiais baleados no Estado e pior, 45 não resistiram e vieram a óbito. O que estamos fazendo para mudar nossa realidade no Estado? Diante desse fato protocolei nesta Casa, dois projetos de lei para tentar amenizar o sofrimento dessas famílias. O primeiro autoriza o Poder Executivo a isentar do IPTU as famílias dos policiais civis, militares, bombeiros e guardas municipais falecidos residentes no município e outro autoriza o Executivo a reservar vagas nos estabelecimentos de Ensino Fundamental”.

O vereador Felipe Paiva (PC do B) comentou a discussão na sessão passada sobre venda de drogas no entorno do Colégio Joana Benedicta. “Acompanhei pela internet a discussão sobre venda no entorno da escola. Quero dizer que fiz projeto de lei criando a Semana de Conscientização do Combate do Uso de Drogas nas Escolas. Essa não é a solução, mas é um paliativo.”

Infraestrutura - O vereador Frank Costa (Solidariedade) anunciou que já foi iniciada a reforma da passarela situada em São José de Imbassaí. Ele agradeceu à prefeitura pelas indicações atendidas.

“Estive com prefeito e o vice-prefeito, entregando 78 títulos de posse. Os moradores ficaram felizes, pois pela primeira vez saiu o papel. Além disso, o prefeito junto ao Departamento de Estradas e Rodagens (DER) liberou a reforma da passarela de São José. O prefeito anunciou também que o Manu Manuela e Ouro Mar vão receber obras. Isso foi uma indicação minha sendo atendida.”

O vereador Rony Peterson (PR) também falou sobre infraestrutura. Ela explicou que entrou com Projeto de Lei para melhorias viárias na cidade, como a construção de bicicletários. “Quero agradecer pela reforma da passarela, mas tem uma coisa que vem acontecendo há muito tempo. Ainda há motociclistas que atravessam de moto nas passarelas. Peço fiscalização da Secretaria de Ordem Pública nisso”.

Saúde e Educação - O vereador Ricardinho Netuno (Patriotas) denunciou falta de pediatras na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Inoã. “Recebi de algumas mães que levaram seus filhos à UPA e não havia médico pediatra. Peço que os vereadores da Comissão de Saúde fiquem em cima”.

O vereador Chiquinho (PP) denunciou mais uma vez problemas referentes ao transporte escolar. Ele sugeriu o aluguel de novos ônibus. “Recebi denúncias de ônibus escolar em Ponta Negra, Cordeirinho e Guaratiba. “Os ônibus estão sem roda, caixa de marcha arrebentada, sem freio. Fui à oficina e falei com eles. Há dois meses que não chega material. As mães disseram que tem criança há dois meses sem ir à aula por falta de ônibus”.

Em resposta, o presidente da Comissão de Saúde, Felipe Auni (PSD), apresentou explicações sobre a saúde e a educação. O parlamentar disse que possivelmente haverá serviço de terceirização no transporte da Saúde e da Assistência Social. “Realmente havia quatro clínicos e um pediatra, pois o outro faltou. Sobre os ônibus, acho perfeito alugar, porque se bater é só trocar e assim nossas crianças terão continuidade dos serviços.”

O vereador Dr. Richard (PT) também comentou a ausência dos médicos. “Se não tiver trabalhando tem que tirar da rede mesmo. Reforço que o prefeito Fabiano Horta não compactua com esse tipo de atitude de profissionais que faltam o trabalho. Temos que fiscalizar mesmo”.

Ordem do Dia - Foi votado Projeto de Resolução de autoria da Mesa Diretora que dispõe sobre a regulamentação do sistema de registro de preços, previsto no artigo 15 da lei 8.666/93, no âmbito do poder legislativo do município.

Também foi votada moção de autoria do vereador Chiquinho, ao 3º sargento da PM/RJ, Marcio Alexandre Oliveira de Souza.

Os parlamentares também votaram moções de autoria do vereador Felipe Paiva, a senhora Evelyn Rosa de Azevedo; a Jefferson Rosa de Azevedo; a Geórgia Barreto Pereira Legentil e a Taís Rodrigues Marques.

Também foi votada moção de autoria do vereador Aldair de Linda, a Leonardo Moura Ferreira da Costa.

CONFIRA A ÍNTEGRA DA SESSÃO DESTA SEGUNDA-FEIRA NO VÍDEO ABAIXO
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp