19/01/2019 às 07h10min - Atualizada em 20/01/2019 às 12h01min

Discussão termina com homem assassinado em Itaipuaçu

 
Por Pablo Caneco e Rodrigo Ogliaruso- Uma discussão envolvendo duas mulheres resultou no assassinato de um homem no início da manhã deste sábado, 19, na Rua Professor Cardoso de Menezes, antiga Rua Um, em Itaipuaçu. O crime aconteceu por volta de 5 horas da manhã, em frente a Mercearia dos Lírios. De acordo com testemunhas, a discussão começou dentro do bar ‘Caneca Mofada’ numa suposta briga por conta de uma mesa. Três amigos, sendo duas mulheres e um homem estavam sentados, quando foram abordados por um casal. Houve discussão e o casal saiu do bar. Os três amigos seguiram na calçada da Rua 1 quando foram surpreendidos por um homem armado em um veículo Chevrolet Onix branco. O motorista disparou pelo menos três vezes contra o trio, que tentou fugir correndo, porém, um dos disparos atingiu o homem. Testemunhas afirmam que os tiros foram feitos pelo homem que havia deixado o bar com a companheira. Bombeiros do Posto Avançado de Itaipuaçu e Socorristas da Equipe de Resgate da Prefeitura de Maricá foram deslocados para o local, mas nada puderam fazer. O homem identificado como Bruno Gonçalves Crespo, de 38 anos, morreu no local em decorrência dos ferimentos. Policiais Militares do DPO de Itaipuaçu estiveram no local e acionaram a perícia da Polícia Civil. Agentes da Divisão de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) estiveram no local a após os procedimentos periciais, o corpo foi recolhido pelo Rabecão da Defesa Civil e levado para o Instituto Médico Leal (IML) do Barreto, em Niterói.  Após a divulgação da matéria, uma testemunha, que preferiu não se identificar, contou que a princípio não houve confusão dentro do estabelecimento comercial. A testemunha contou que quando o evento já estava acabando, foram ouvidos cerca de 10 tiros no sentido da rodoviária.  “ Vimos um carro branco sair e uns 10 minutos depois uma menina veio em direção ao bar correndo e gritando dizendo que tinha um amigo dela baleado”, disse a testemunha ao LSM. A delegacia especializada vai investigar o crime. [gallery columns="2" ids="184522,184523,184525,184526,184528,184529"]
Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp