22/05/2019 às 20h11min - Atualizada em 22/05/2019 às 20h11min

Reajuste em bandeiras tarifárias da conta de luz gera discussão na Câmara de Maricá

Foi aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) o reajuste nas bandeiras tarifárias. Com isso, as contas de energia elétrica deverão ficar mais caras. Em virtude da alteração nos valores, os vereadores da Câmara Municipal de Maricá mais uma vez reclamaram tanto do serviço prestado pela Enel como de mais um aumento nas contas de luz.

O vereador Rony Peterson (PR) sugeriu a discussão sobre buscar novas fontes de energia. 

“Quero falar sobre esse aumento pela Aneel. A bandeira amarela passou de R$ 1 para R$ 1,50 a cada 100 kilowatts. A bandeira vermelha passou de R$ 3 para R$ 4 e a bandeira 2 Vermelha de R$ 4 para R$6. É corriqueiro, mas trago a esta Casa o debate sobre o presente e o futuro que está nas energias alternativas. Acredito que o poder municipal pode, em breve, fomentar a possibilidade de financiamento para que cidadão tenha energia alternativa”.  
 
O vereador Marcinho da Construção (DEM) também reclamou dos serviços prestados pela Enel. Ele falou da existência de um poste que pode cair a qualquer momento na Rua Fernando Mendes, em Inoã.

“Hoje aconteceu mais um absurdo. Ali em Inoã tem um poste pendurado apenas por um fio. Está a ponto de cair. Estamos sempre falando de postes que essa empresa instalou e agora diz que não cabe a ela retirar. Essa empresa só quer lucrar e não investir”. 

O vereador Ismael Breve (DEM) sugeriu uma visita a Enel para pedir solução também para postes com risco de queda em Ponta Negra e Zacarias.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp