10/01/2020 às 19h37min - Atualizada em 11/01/2020 às 11h05min

Homem que ajudou a salvar adolescente soterrado em Ponta Negra relata os momentos de tensão

Foto Marcos Nunes.

LSM - O homem que ajudou a salvar a vida do adolescente de 17 anos, que foi soterrado na areia durante uma brincadeira na Praia de Ponta Negra, em Maricá, o pedreiro Alessandro Siqueira, de 38 anos, afirmou ter vivido momentos de desespero.

O caso aconteceu no ultimo sábado, 04. Por volta das 18:30, um grupo de adolescentes, em uma brincadeira nada saudável, acabou enterrando um dos amigos na areia. Por conta da profundidade do buraco o adolescente ficou preso, e acabou sendo soterrado.

O homem imediatamente foi até a sua casa pegar uma pá para ajudar a tirar o menino da areia, pois estavam todos desesperados por causa da profundidade de onde o adolescente estava.

“Vi um grupo de pessoas gritando e usando as mãos para cavar, tentando puxar uma pessoa pelos pés. Imediatamente peguei uma pá na minha casa e comecei a cavar também. O tronco do jovem estava todo dentro do buraco, meio torto, quase numa posição fetal. Quando conseguimos retirar o adolescente, o bombeiro precisou tirar muita areia da boca dele. Ele estava desacordado e com as unhas arroxeadas. Fiquei desesperado. Nunca tinha visto algo assim. Tive até dificuldade para dormir naquela noite”, relata Alessandro.

O adolescente sofreu asfixia e precisou ser levado em um helicóptero para o Hospital Miguel Couto, onde segue internado. Segundo boletim médico da Secretaria municipal de Saúde do Rio, seu estado de saúde teve uma melhora e segue estável.

https://leisecamarica.com.br/%ef%bb%bfbombeiros-socorrem-adolescente-soterrado-apos-brincadeira-na-praia-de-ponta-negra/

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp