04/10/2020 às 20h21min - Atualizada em 05/10/2020 às 14h32min

Moradores pedem socorro após presenciarem criminosos portando fuzil no ‘Minha Casa, Minha Vida' de Itaipuaçu

foto: Arquivo/LSM

LSM- Moradores pediram socorro anonimamente através de denúncias após presenciarem homens armados com fuzil na tarde deste domingo, 4, no condomínio ‘Minha Casa, Minha Vida’ de Itaipuaçu. O apelo é que seja colocada uma base fixa da PM no local.

De acordo com informações, criminosos armados foram flagrados por moradores enquanto caminhavam pelo interior do conjunto habitacional. Através de mensagens no WhatsApp do LSM, moradores relataram que homens armados e com tornozeleiras estariam, naquele momento, circulando as ruas do condomínio.

“Dois homens com radinho e pistola andando aqui entre os blocos. Acabou o sossego. ” Continha o trecho, em uma das mensagens enviada para a redação.

“Minha vizinha me avisou que viu caras com armas perto da porta dela. Aqui no D, a coisa está pior, acabei de ver bandidos com fuzis circulando por aqui em plena luz do dia, não sei se a arma é de verdade, estão com radinhos e armados”. Relatou um morador pelo zap do LSM.

A presença de criminosos armados trouxe novamente a insegurança aos moradores do MCMV. Segundo eles, após a divulgação da ocupação pelo PM, houve uma esperança de melhoria na segurança, porém basta não ter policiamento que os traficantes voltam a aterrorizar o local.

Através das mensagens, os moradores compartilhavam o mesmo pedido e dividiam o mesmo medo. “Estamos muitos assustados, já começou tudo de novo, não adianta a Polícia vir uma ou duas vezes só, tem que se fazer presente sempre aqui. Estou fazendo esta denúncia anônima, não divulgue o meu nome, por favor, mas nos ajude”. Comentou um morador, com medo de represália por conta da denúncia.

“Aqui só dará jeito se tiver um DPO fixo aqui, só assim este inferno vai acabar. Divulgue o que está acontecendo aqui. Pedimos um módulo da Polícia Militar urgente aqui no MCMV de Itaipuaçu. Urgente, pedimos de forma anônima por socorro”. Apelava uma moradora.

RESPONSABILIDADE SOCIAL

Por motivos de segurança dos moradores, não foram divulgadas fotos e imagens do local. O LSM entende que tal exposição poderiam trazer riscos aos moradores. Da mesma forma, as mensagens contendo as denúncias recebidas pelo WhatsApp do LSM sempre são apagadas imediatamente após serem transcritas.

Os relatos são corrigidos e pontuados gramaticalmente e o gêneros dos moradores denunciantes são alternados para não haver nenhuma possibilidade de identificação.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp