21/09/2021 às 12h03min - Atualizada em 21/09/2021 às 15h19min

UPA Inoã celebra 9 anos de atendimentos em Maricá

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Inoã, em Maricá, completou 9 anos de funcionamento neste domingo (19). Além do atendimento de qualidade ofertado à população (quase 70 mil nos últimos 11 meses), a unidade de saúde celebrou o término das obras de revitalização do espaço, que tem 1.638 m² de área construída.

O prefeito Fabiano Horta visitou a unidade nesta segunda-feira (20) e lembrou da dificuldade para a implantação dessa unidade e reforçou o compromisso com a saúde da população de Maricá.

“Eu me lembro da luta para que a gente pudesse conquistar essa unidade, para que ela pudesse ser aberta em Maricá. Estamos aqui hoje celebrando e inaugurando uma reforma bela e funcional, porém, mais do que isso, exaltamos o fato da UPA fazer parte do nosso conjunto de aparelhos da Saúde, que defende e protege os nossos cidadãos e os de fora. Seguimos comprometidos em continuar construindo um SUS cada vez mais forte” destacou o prefeito.

A UPA passou por serviços de troca de piso vinílico, reformulação de toda recepção com novo mobiliário e ilha de atendimento ao usuário. Além de novo mobiliário na maioria das salas, foram instalados novos leitos na sala vermelha, e foi feito o redimensionamento e revitalização de todo sistema de refrigeração e iluminação da Unidade. As crianças também receberam um espaço de interação mais humanizado para o ambiente hospitalar se tornar mais leve e menos ocioso.

“As obras visam a melhoria da infraestrutura para melhorar o acolhimento aos pacientes que nos procuram. O objetivo sempre foi o protagonismo da qualidade na assistência em saúde, oferecida gratuitamente, através do SUS”, destacou a diretora médica da UPA, Juliana Nogueira.

A secretária municipal de Saúde, Solange Oliveira, destacou a preocupação da pasta com os detalhes para um atendimento cada vez mais humanizado.

“É muito gratificante olhar esse espaço e ver que o carinho de cada um que aqui trabalha. Não só na estrutura, mas no cuidado às pessoas. Quantas delas aqui foram cuidadas e salvas. Quantas vidas passaram por aqui e ganharam novo sentido nesse espaço”, enalteceu a secretária.

Já o subsecretário da Rede de Urgência e Emergência, Glauco Pontes, destacou a UPA Inoã como um equipamento fundamental para a Saúde de Maricá.

“Estou no município há quase 16 anos na área médica e não consigo lembrar como era o município sem a UPA de tão importante que ela se tornou. A unidade faz uma integração excelente com Posto 24 horas Santa Rita e ao Conde, e ainda consegue acolher um trecho populacional muito grande, sendo uma peça indispensável nessa rede”, concluiu.

Homenagem

Nesta segunda-feira (20) a direção da UPA prestou homenagem à primeira profissional de saúde do município vítima da Covid-19, Denise Gomes. Ela foi técnica de enfermagem e faleceu em abril de 2020. A Sala Vermelha da UPA, a partir de agora, carregará seu nome. Foram homenageadas também duas outras colaboradoras internadas na mesma época que Denise, mas que se recuperaram: a enfermeira Elaine Rangel e a supervisora administrativa Ana Paula de Souza.

A mãe de Denise, Araci Gomes, esteve presente durante a homenagem e se emocionou.

“Minha filha falava com muito carinho da UPA. Dizia que esse lugar era a vida e a casa dela. Não é porque é minha filha, mas era muito dedicada. Ela amava a saúde e ajudava as pessoas”, declarou.

Atendimento Covid

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Inoã também tria pacientes com sintomas da Covid-19 no município, em tenda separada em sua área externa. A unidade de saúde possui 20 leitos para a observação de pacientes, cinco deles são destinados ao acolhimento do coronavírus até a transferência.

Fonte: PMM


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp