30/10/2021 às 00h38min - Atualizada em 30/10/2021 às 00h34min

Vereador de Maricá propõe que funcionários públicos passem por exames toxicológicos periodicamente

O exame é para detectar o uso de entorpecentes, bebidas alcoólicas, entre outras substâncias.

Jade Carvalho - leisecamarica.com.br
Gazeta do Povo

O vereador Ricardinho Netuno protocolou um Projeto de Lei na Câmara Municipal de Maricá que solicita que os funcionários públicos municipais passem por exames toxicológicos periodicamente. 


O objetivo do exame é de detectar o uso de substâncias psicoativas, entorpecentes e de bebida alcoólicas por parte dos servidores.


De acordo com a proposta apresentada pelo vereador, os servidores que testarem positivo no exame seriam submetidos a um processo administrativo disciplinar e poderiam até ser exonerados do cargo. 


O vereador, que é conhecido por diversas polêmicas e ultimamente esteve envolvido em discussões sobre a obrigatoriedade da vacina e do passaporte sanitário, defende que o exercício do serviço público é incompatível com o uso de entorpecentes e álcool. 


“O objetivo da lei é prevenir o cidadão, a própria administração pública e a população em geral dos possíveis danos causados por servidores que, no exercício da função, estejam sob o efeito de substâncias de uso proibido. Não há dinheiro que pague por uma vida perdida ou arruinada em virtude da utilização de drogas”, justificou o parlamentar. 


“É professor maconheiro? Exoneração! É político zé droguinha? Exoneração! Já que nos controlam socialmente através do passaporte sanitário, também temos o direito de controlar quem vive do dinheiro público”, concluiu o vereador. 



Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp