04/11/2021 às 18h26min - Atualizada em 04/11/2021 às 18h18min

Armas supostamente usadas por policiais no crime contra morador são apreendidas para perícia em Maricá

Jade Carvalho - leisecamarica.com.br

As armas dos policiais do Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS) que estavam no momento em que um morador foi baleado na cabeça na noite de ontem no Bairro da Amizade foram apreendidas para perícia na tarde desta quinta-feira, 4. 


A apreensão ocorreu após o depoimento de alguns moradores, que afirmaram que viram o policial atirando em direção a vítima, que acabou baleada na cabeça e está em estado gravíssimo no hospital.  O armamento será analisado e comparado com as cápsulas encontradas no local do crime para saber se os disparos foram executados pelas armas dos policiais. 

 

De acordo com informações levantadas pela equipe do LSM, os agentes da Delegacia de Maricá (82ª DP) não sabiam do ocorrido até amanhã de hoje, quando um boletim de ocorrência foi registrado na unidade policial. 


Ao receber as informações, os agentes da 82ª DP tomaram as medidas cabíveis e uma investigação foi iniciada logo pela manhã, fazendo uma ronda na comunidade para tentar ouvir os moradores.


Ao chegar no local onde o homem foi baleado, os civis conseguiram recolher cápsulas que foram deflagradas e recolhidas pelos moradores. Os dois policiais suspeitos foram novamente ouvidos na delegacia e liberadores em seguida. 


Moradores do Bairro da Amizade estão organizando uma manifestação pacífica para cobrar respostas sobre o crime. 


O LSM informa que está acompanhando todas as informações e qualquer novidade estará informando aos internautas.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp