30/11/2021 às 13h24min - Atualizada em 30/11/2021 às 13h22min

Delegacia de Saquarema prende um dos autores do assalto ao ‘Atakarejo’ de Bacaxá

Redação LSM - leisecamarica.com.br
Agentes da Delegacia de Saquarema (124ª DP), coordenados pelo delegado Dr. André Luiz Salvador Bueno, realizaram uma operação na manhã desta terça-feira, 30, que terminou com a captura de um criminoso perigoso. O bandido é acusado de ser um dos autores de um assalto a um supermercado da região, onde duas pessoas e um policial militar foram baleados na troca de tiro.
 
A prisão aconteceu numa localidade chamada Rio da Areia. De acordo a Polícia, após um minucioso trabalho de apuração sobre o caso do assalto à um supermercado da cidade, o setor de investigação da 124ª DP conseguiu identificar os autores do crime. Durante o trabalho da Inteligência, os investigadores localizaram o acusado. 
 
Uma operação de captura foi montada e equipes da DP foram deslocadas para o endereço. Ao chegarem no local, o criminoso foi rendido e preso pelos policiais. O criminoso – identificado como Marcos Gonçalves de Oliveira Júnior, de 29 anos – foi levado para a sede da distrital, no Centro de Saquarema. 
 
Segundo os Policiais Civis, Jr – como é conhecido – já foi preso anteriormente pela própria delegacia, após ter sido pego com drogas e uma granada na cintura. Ele cumpriu prisão e foi solto alguns meses atrás.  O preso, agora, será transferido para o sistema prisional – novamente – onde ficará à disposição da justiça e cumprirá a pena.
 
O ASSALTO
 
O assalto ao supermercado aconteceu na tarde do dia 02 de agosto, na rede Atakarejo, às margens da RJ-106, em Bacaxá. 
 
Durante ação criminosa, quatro homens chegaram em duas motos, invadiram o estabelecimento e anunciaram o assalto, exigindo quantias em dinheiro.  Ao saírem do local, os criminosos foram surpreendidos por um policial à paisana, que reagiu e disparou contra os assaltantes. Houve troca de tiros e três pessoas foram baleadas, sendo um deles, um dos criminosos. Todos foram levados para o hospital. 
 
Imagens de câmeras de segurança e os depoimentos das vítimas e testemunhas auxiliaram na identificação dos criminosos.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp