30/11/2021 às 16h13min - Atualizada em 30/11/2021 às 16h09min

Surto de gripe no município do Rio preocupa cidades vizinhas

Ana Farias - leisecamarica.com.br
Desde o último dia 18 de novembro o Estado do Rio de Janeiro registrou 6,5 mil casos da Influenza A. O que segundo o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, isso indica que a cidade enfrenta um surto da doença. 
 
Na semana passada, foram registrado entre os casos anotados, 23 crianças estão internadas na rede pública da cidade com sintomas da gripe A H3N2. No mesmo dia, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, cancelou a agenda porque também está com a doença. Ele afirmou que seguirá trabalhando de forma remota.
 
O aumento de resultados positivos para Influenza A foi constatado nas amostras coletadas em unidades de saúde sentinelas. “A gente tem aumento [de casos] em alguns locais. A gente está tendo aumento na Rocinha, na Vila Kennedy e também alguns casos na região central da cidade. A gripe é uma doença imunoprevenível. Ela pode ser contida com vacinação e  precisamos que os cariocas venham se vacinar. A nossa expectativa é que, com o aumento da cobertura vacinal para a gripe, haja uma redução dos casos”, disse o secretário.
 
Com isso, diversas cidades vizinhas estão ficando preocupadas com o risco de surto de gripe em seus municípios. Como é o caso de Maricá, onde já foram registradas entre alguns munícipes casos de gripe forte, mas que não sabe ao certo, se isso se trata realmente de sintomas da gripe A H3N2.
 
Contaminação
 
As cepas da Influenza se modificam a cada ano, e a H3N2 é a que tem contaminado as pessoas atualmente. Por isso, é importante se vacinar todos os anos com cepa que está em ação.
 
Como os sintomas da influenza coincidem com alguns da covid-19, antes da entrada do inverno o Estado do Rio, intensificou a campanha de vacinação contra a gripe para evitar o surgimento de casos e também fazer diferença entre as duas doenças. Agora, embora os registros de covid-19 tenham caído na capital, a preocupação é com o avanço da Influenza A.
 
Vale lembrar que em todas as cidades do Rio - inclusive em Maricá - qualquer pessoa com mais de seis meses de vida, podem se dirigir aos postos para se vacinar contra a gripe. A vacina segue disponível nas Unidades de Básicas de Saúde (UBS), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
 
Vale lembrar que, a pessoa que estiver com sintomas de gripe ou de covid-19 não deve tomar a vacina.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp