publicidade 1200x90
08/04/2022 às 23h22min - Atualizada em 08/04/2022 às 23h13min

Maricá: Inscrições para pré-enem popular gratuito iniciam na próxima segunda-feira (11)

Jade Carvalho - leisecamarica.com.br

A Prefeitura de Maricá abrirá as inscrições para a 7ª edição do Pré-Enem Popular Iara Iavelberg 2022 - projeto que prepara estudantes do Ensino Médio para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - na próxima segunda-feira, 11. 


As inscrições poderão ser realizadas até o dia 08 de maio e serão efetuadas através do site da prefeitura, em um link específico que será disponibilizado na data da abertura. 


Ao todo, 900 vagas serão abertas de forma gratuita para os moradores de Maricá, sejam eles estudantes das redes pública e privada de ensino ou outras pessoas que não sejam estudantes, mas que tenham interesse em fazer a prova. 


Início das aulas 


O curso começará no dia 24 de maio com uma aula inaugural às 18h, na quadra da Escola Municipal Carlos Magno Legentil de Mattos, no Centro. As aulas serão presenciais, realizadas em três polos: Inoã, Itaipuaçu e Centro, sempre às 18h, e também ao vivo pelo YouTube. 


O término do preparatório, que também atende aos interessados em concorrerem a bolsas do Programa Passaporte Universitário, está previsto para o dia 19 de novembro.


O coordenador-executivo do projeto, William Campos, explicou que o ritmo das aulas será intensificado conforme a proximidade da data da prova. 


“Temos um nivelamento composto por aulas de apoio para alunos com dificuldades em Química e Física. Então, começamos em maio e junho com duas aulas por semana e, de acordo com a proximidade da prova, vamos aumentando o calendário e horas/aula”, afirmou.


Outras edições do pré-enem


O Pré-Enem Popular Iara Iavelberg existe desde 2016, auxiliando centenas de estudantes a conquistarem uma vaga em uma universidade pública. No último ano, 79 alunos do preparatório foram aprovados, sem contar aqueles que aguardam resultado das reclassificações do Sistema de Seleção Unificada (SISU).


Já no exame de 2020, 109 alunos da iniciativa foram aprovados em universidades públicas brasileiras e até da Europa. Desse contingente, 57 passaram para universidades federais brasileiras, 39 para a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), além de um na Universidade de São Paulo (USP), um na Universidade de Campinas (Unicamp), três no Consórcio Cederj e um na Universidade do Porto (em Portugal).


Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp