publicidade 1200x90
25/04/2022 às 11h21min - Atualizada em 25/04/2022 às 11h20min

Chorinho marca a segunda edição do Maricá Musical em Ponta Negra

Evento reuniu cerca de 500 pessoas na Praça Nossa Senhora das Graças com diversas atrações e de diferentes estilos de música

Ana Farias - leisecamarica.com.br
PMM
Foto: Marcos Fabrício

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Cultura, realizou no sábado (23/04) a segunda edição do Maricá Musical na Praça Nossa Senhora das Graças, em Ponta Negra, com show de chorinho, em homenagem ao Dia Nacional do Choro e nascimento de Pixinguinha, comemorado no dia 23 de abril. Cerca de 500 pessoas participaram do evento ao som de “Carinhoso”, do mestre Pixinguinha, entre outras músicas do repertório especial do compositor, arranjador, flautista e saxofonista Roberto Stepheson e do cavaquinista e violonista Bruno Campos.

Além da homenagem ao choro, outros artistas marcaram presença em Ponta Negra, como o DJ Márcio Albuquerque, o consagrado Movimento Cultural Ruasia e a banda punk Pacto Social, que levaram mais música e de diferentes estilos, como rap, rock, hip hop, punk rock, samba, pagode e axé.

O Maricá Musical é uma parceria da Secretaria de Cultura com as secretarias de Turismo e de Promoções e Projetos Especiais, a Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar), com o apoio do Programa Maricá das Artes.

“O Maricá Musical, em Ponta Negra, foi um momento mágico com a alegria estampada nos olhos das pessoas. Mostramos a força da cultura presente no município”, comentou o secretário de Cultura, Sady Bianchin.

Com um repertório variado de compositores tradicionais do gênero como Pixinguinha, João de Barro, Raul de Barros, Ary dos Santos, Tom Jobim, Vinícius de Moraes e Jacob do Bandolim, o compositor, arranjador, flautista e saxofonista Roberto Stepheson, levou um pouco do chorinho ao público.

“Esse é um espaço para homenagear o choro, o samba e a música brasileira. Abrimos o show com Pixinguinha e depois fizemos um choro gafieira de Raul de Barros e Ary dos Santos. Tocamos “Só danço samba” de Tom Jobim, e fechamos com “Assanhado”, de Jacob do Bandolim. O clima estava ótimo, em ritmo de carnaval e não poderia ser diferente”, disse o músico Roberto Stepheson.

No comando das pick-ups, o DJ Márcio Albuquerque animou o público com seu alto astral e descontração, ao som de samba, pagode, axé e tradicionais marchinhas de carnaval.

“A apresentação foi ótima. Muitas pessoas participaram desse evento maravilhoso, que contou com muitas famílias. Montei um set especial com rock nacional com músicas do Legião Urbana, Lulu Santos, RPM, entre outros”, contou o DJ.

Maricá Musical encanta o público em Ponta Negra

Morador de São Gonçalo, o eletricista Wagner Santos, 43 anos, conta que se surpreendeu com o show de choro no feriado, elogiou o evento e ressaltou a importância da música.

“Vim passar o feriadão com a família e aproveitamos para ver o show e me encantei quando me deparei com esse show de chorinho. Nós achávamos que seria alguma apresentação com músicas de carnaval, mas fomos pegos de surpresa e foi maravilhoso. Música boa, evento de qualidade e tudo muito organizado. Eu gostei muito”, declarou.

Moradora de Ponta Negra, Sabrina Gomes, 36 anos, destacou a importância do evento e a iniciativa que aproxima a população da música, como opção de cultura.

“Uma noite divertida com muitas famílias reunidas. Pude curtir música boa, de qualidade e com segurança. A música mostra o seu valor cultural. Meu filho de nove anos adorou e no final não queria ir embora”, contou.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp