29/05/2022 às 12h52min - Atualizada em 29/05/2022 às 12h48min

Feira Solidária é realizada em São José do Imbassaí

O evento teste aconteceu no Manu Manuela e está em análise para integrar o circuito municipal.

Thayná Silva - leisecamarica.com.br
Fonte: PMM
Foto: Divulgação

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Economia Solidária, promoveu neste sábado (28/05) uma edição da Feira Solidária no Manu Manuela, em São José do Imbassaí, com cerca de 30 expositores. Quem passou pelo local, não se arrependeu. Encontrou várias opções de comidas salgadas e doces, bebidas, artesanato, roupas e até massagem. A criançada aproveitou a piscina de bolinhas enquanto os pais se divertiam com a apresentação musical de Dalva Alves e Silas Jr.

Secretário de Economia Solidária, Adalton Mendonça esteve no local conversando com os moradores e aprovou a aceitação do público, mas ainda não garantiu que o bairro vai fazer parte do circuito de feiras, explicando que este sábado foi o plano piloto. “Piloto de teste é aquele que dirige o carro pela primeira vez. Vamos analisar tudo e ver o que pode melhorar, o que está dando resultado do que está sendo entregue à participação popular. As pessoas saíram de casa, isso é um indicador de positividade! Inclusive, a gente agradece muito a participação”, disse.

Ainda de acordo com o secretário, a gestão sempre faz um planejamento para determinar se as ações vão continuar ou não, qual a melhor a data, se as pessoas têm mumbuca na conta para ajudar a fazer a moeda social circular, se novas barracas podem ser incluídas.

“A gente conversa com a comunidade porque nosso objetivo é entregar a feira para todos. Por isso estamos tentando nomear essa feira como feira comunitária de fato, porque foi o povo que pediu, as associações de moradores estão sendo fortalecidas. É um trabalho de base para que as pessoas tenham acesso à circulação de renda e, a partir disso, a cidade toda ganha. A gente quer a cidade inteira feliz”, explicou Adalton.

Moradores e artesãos satisfeitos com o resultado

Vendedora de roupas, Evelyn Oliveira, 34 anos, era uma das expositoras deste sábado. “Eu não trabalho com loja física, só loja virtual, então está sendo maravilhosa essa oportunidade que a Prefeitura está dando para a gente, de poder expor o nosso produto e vendê-lo. Até porque não são só as pessoas do nosso bairro que estão vindo na feira, mas também as pessoas de fora do bairro para conhecer o que a gente produz. Estou muito feliz”, declarou.

Moradora do bairro, Rosangela Miranda, 56 anos, foi uma das clientes da vendedora. Aproveitou para comprar roupas para o neto, massas frescas, bolo de pote e copo da felicidade.

“Isso aqui é muito bom, porque valoriza os pequenos empreendedores e a gente que mora aqui no bairro tem a oportunidade de conhecer cada produto, além de comprar coisas artesanais com preços mais em conta. Eu gostei demais! Achei os produtos baratos, bons, tanto vestuários quanto comidas. Olha essa bermudinha boa que eu comprei para o meu neto por um preço maravilhoso, tenho certeza de que ele vai amar”, falou mostrando a roupa e, em seguida, afirmou que vai estar presente em todas as edições que acontecerem no local.

 


Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp