Pais e responsáveis denunciam demora na entrega das cestas básicas para alunos da Rede Municipal


Foto: Arquivo

LSM – Diversos pais e responsáveis entraram em contato com a equipe do LSM para denunciar a demora na entrega das cestas básicas para os alunos da Rede Municipal de Ensino. Entre os responsáveis que relataram o atraso, estão alunos das escolas Joana Benedicta Rangel, no Centro, Antônio Lopes, no Jardim Nova Metrópole, Romilda Nunes, no MCMV de Inoã e Zilca Lopes da Fontoura, também no Centro.

De acordo com os denunciantes, as cestas básicas que deveriam ser entregues mensalmente aos pais e responsáveis dos alunos matriculados na rede estão com atrasado de mais de um mês. O atraso faz falta para quem necessita da ajuda da prefeitura, já que muitos responsáveis estão sem trabalhar devido a pandemia.

“ A diretora não sabe nos informar nada. Alguns pais estão levando cestas pra casa e outros não. Isso é um absurdo!” – disse uma mãe indignada.

Os pais pedem uma resposta da Prefeitura de Maricá para que o problema seja resolvido o mais rápido possível.

A Prefeitura de Maricá se pronunciou em nota:

“A Prefeitura informa que o fornecimento de cestas básicas aos 25 mil estudantes da rede municipal e das unidades estaduais e federais de ensino da cidade foi uma alternativa executada pelo município visando garantir a segurança alimentar das famílias durante a pandemia, especialmente como forma de compensar a ausência da merenda escolar. Há quase um ano essas pessoas estão sendo atendidas.

A prefeitura reitera que não faltarão cestas básicas e todos os que vinham recebendo continuarão a ter mais este benefício enquanto o novo coronavírus obrigar o município a manter medidas restritivas de combate e prevenção ao contágio. A prefeitura tem se empenhado para superar as limitações burocráticas e incertezas impostas pelo período especial e em atender a todos até que se restabeleça a normalidade do calendário escolar.”


error: Conteúdo protegido!