Prefeitura de Maricá investe em ‘brinquedotecas’ nas escolas municipais


Para ampliar a eficiência da educação oferecida nas escolas municipais, a Prefeitura de Maricá está investindo nas brinquedotecas. O espaço substitui a antiga sala de leitura e televisão e passa a ser um complemento da sala de aula nas unidades. Na Casa da Criança de Itaipuaçu (Inoã), a novidade foi muito elogiada.

“Nós já tínhamos alguma coisa aqui porque funcionava a biblioteca. Então, tínhamos alguns livros, duas caminhas e a televisão. Mas agora chegou uma infinidade de coisas novas. Brinquedos educativos, material didático e inclusivo, sistema braile, alfabeto braile, fantoche com crianças cadeirantes”, avaliou a diretora da unidade, Renata Pires Bazuni.

Vice-diretora da unidade, Barbara Rodrigues completou: “Principalmente aqui em Inoã, essa brinquedoteca é importante por permitir que as crianças tenham acesso a brinquedos que elas normalmente não tem em casa, no dia a dia. Então, ter uma sala onde eles tem acessos a brinquedos tão novos e lúdicos, que vão contribuir para a aprendizagem, faz com que a escola seja mais prazerosa e as crianças tenham vontade de estar dentro dela. Isso é muito importante”, pontuou.

Para a auxiliar de biblioteca Eliete Martins, o novo espaço, batizado por eles como “sala mágica”, vai fazer toda a diferença. “Não é só uma biblioteca para a criança vir olhar um livro. Um lugar, onde eles vem apenas para brincar. Agora nós temos mais recursos para desenvolver os trabalhos”, disse.

Foram entregues materiais lúdicos, onde as crianças vão aprender enquanto brincam. São jogos, quebra-cabeças, que vão desenvolver a coordenação motora, a concentração, e ajudar no aprendizado quando forem para a sala de aula.

“Eu gosto de vir aqui e gostei muito desse brinquedo. Eu tinha um em casa, mas sumiu”, disse a pequena Yuanne Roberta Céspedes, de apenas cinco anos.

“A sala é linda. Eu gostei do mercadinho”, disparou envergonhada Ana Sofia Lopes, de apenas quatro anos, ao lado da mãe Tássia Lopes, que também fez sua avaliação. “Eu acho ótimo ter um espaço como esse aqui para ajudar na educação da minha filha, porque ela é muito esperta e já lê algumas coisas. Então, eu acho maravilhoso”, concluiu.

error: Conteúdo protegido!