Projetos de artistas de Maricá são selecionados para auxílio da Lei Aldir Blanc


Produtores culturais e artistas residentes em Maricá já podem apresentar propostas de atividades individuais para seleção, pela Secretaria de Cultura de Maricá, nos primeiros editais de apoio à classe artística do município, lançados com base na Lei Federal 14.017/2020 – a chamada Lei Aldir Blanc – e amparados por legislação complementar. As inscrições para os editais Claudinho Guimarães – voltado a artistas e produtores em atividade – e Sidney Santos, que contemplará artistas maiores de 60 anos, com mais de 30 anos de dedicação à cultura, serão abertas na próxima segunda-feira (23/11) e irão até o dia 30 deste mês.

Os editais foram lançados como mais uma medida de suporte econômico durante à pandemia de Covid-19: sem poderem se apresentar em casas de shows, lonas culturais ou espaços públicos, os artistas se viram sem sua principal fonte de renda, já que 44% deles, segundo levantamento do IBGE, não têm salário fixo nem carteira assinada.O edital Claudinho Guimarães – em homenagem ao sambista maricaense, falecido em junho deste ano – prevê a seleção de 150 artistas e produtores culturais, que receberão um subsídio de R$ 1.500 cada. Podem participar da seleção pessoas físicas,  maiores de 18 anos, que precisam comprovar serem moradoras de Maricá há pelo menos três meses – também é necessário comprovar a atuação profissional na área cultural há mais de um ano. As inscrições devem ser feitas exclusivamente pelo site https://bit.ly/editalclaudinhoguimaraes.

Como contrapartida, os selecionados deverão prever em suas propostas a realização de atividades culturais gratuitas, de forma presencial, quando possível; em transmissões online promovidas pela Prefeitura de Maricá; ou ainda em forma de vídeos, com duração entre 15 e 45 minutos, a serem exibidos a critério da administração municipal.

São consideradas produções artísticas/culturais, segundo o edital, conteúdos de artes cênicas, vídeo aulas, curta-metragens, leituras dramatizadas, oficinas e cursos, contação de histórias, palestras e seminários, entre outras. Entre os temas que podem ser abordados nas propostas, estão comunicação, saúde, educação, meio ambiente, cultura indígena, infância e juventude, livro e literatura, circo e patrimônio cultural e memória, entre outros listados.

Já o edital Sidney Santos vai selecionar 40 pessoas físicas que sejam maiores de 60 anos e estejam há 30 anos ou mais em atividade dedicada à cultura brasileira – são os chamados “Mestres Artísticos”. Para estes, o prêmio a ser pago é de R$ 3.000, com a contrapartida de realizar atividades culturais gratuitas em espaços públicos ou ceder uma obra de arte à Secretaria de Cultura. As inscrições devem ser feitas pelo sitehttps://bit.ly/premiosidneysantos. É necessário apresentar portfólio atualizado com um breve histórico de atividades realizadas em Maricá nos últimos dois anos. O portfólio pode ser apresentado em formato digital ou, na impossibilidade deste, cartas de referência.

error: Conteúdo protegido!