Quaquá faz vídeo pedindo desculpas ao movimento LGBT; Veja



Um vídeo do ex-prefeito de Maricá e atual Presidente do PT-RJ, Washington Quaquá, pedindo desculpas para a comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais ou Transgêneros) circula pelas redes sociais. No vídeo, ele atacou o candidato ao Governo do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), mas o movimento LGBT não gostou das declarações do político. Quaquá chama o ex-juiz federal de ‘viado velho’.

“- Eu to aqui me dirigindo aos companheiros e companheiras do movimento LGBT e do setorial do PT em relações à respostas que dei a aquele vagabundo daquele Juiz que foi em Maricá me ofender. Obviamente que alguma expressão que usei passou do tom no sentido de ter sido de fato um tanto quanto preconceituosa em relação aos homossexuais”, falou Quaquá.

Ainda de acordo com Quaquá, ele tem solidariedade com o movimento.

“- Eu tenho uma completa solidariedade ao movimento LGBT e tenho feito a solidariedade na prática, no apoio prático, embora não concorde inclusive com algumas formas e algumas bandeiras, mas reconheço que as violências físicas e as violências simbólicas que os membros do movimento sofrem no dia a dia numa sociedade patriarcal e machista e homofóbica obviamente”, finalizou o ex-prefeito.

Assista ao vídeo 

REPORTAGEM RELACIONADA

error: Conteúdo protegido!