Turismo promove encontro para discutir segurança pública na Região do Espraiado


Divulgação

Nesta terça-feira (12/01), diretores e membros da AMA – Associação de Moradores e Amigos do Espraiado se reuniram com representantes de várias secretarias da Prefeitura de Maricá para tratar da segurança pública, mobilidade urbana e ordenamento do local.

O encontro foi articulado pela Secretaria de Turismo e contou com a participação de representantes das Secretarias de Ordem Pública, Agricultura, Pecuária e Pesca e Cidade Sustentável, além da Guarda Municipal e da Polícia Militar.

De acordo com o Secretário de Turismo, José Alexandre Almeida, foram abordados assuntos como o controle de acesso ao bairro rural e investimentos que estão previstos pelo município como a instalação de câmeras de segurança e ampliação das rondas com as viaturas do PROEIS.

O Comandante da 6ª Companhia da Polícia Militar em Maricá, Capitão Thiago Hilário, apresentou o trabalho que vem sendo desenvolvido na cidade e também as ações na região do Espraiado para coibir a prática de crimes. Hilário também reafirmou o compromisso em manter e ampliar, dentro das possibilidades, o policiamento e rondas diárias pela PM na região.

Presidente da AMA, Alessandro Souza, enfatizou os problemas que o bairro vem atravessando na área de segurança, como também a necessidade de ampliar o trabalho de controle de trânsito e estacionamento irregular. “Uma reivindicação antiga da Associação de Moradores é pela instalação de uma cabine permanente do PROEIS no acesso ao bairro”, reiterou.

O subsecretário Guilherme Di Cesar Mota, subsecretário de Cidade Sustentável, colocou a Unidade de Conservação já instalada no bairro à disposição da comunidade para funcionar como ponto de apoio. O local possui estrutura de computadores e internet para auxiliar nos registros e contatos com as forças de segurança do município.

Do encontro surgiram várias propostas que serão analisadas, entre elas o estudo em conjunto entre forças de segurança e comunidade de um projeto específico de segurança para  região do Espraiado através do monitoramento permanente. A ideia foi colocada por Carlos Eduardo Airoza, da Secretaria de Agricultura, que também administra a Fazenda Pública Ibiaci na localidade.

Representando o Secretário de Ordem Pública de Maricá, Tenente Coronel Júlio Veras, o Comandante da Guarda Municipal, Luciano Moretti, informou que o bairro Espraiado está no planejamento para ampliação de equipamentos de segurança e que tudo o que foi abordado no encontro será objeto da pauta de reunião de planejamento da SEOP.

“Tivemos um saldo positivo desse encontro. Encaminhamentos de demandas da população e uma atenção às solicitações específicas do bairro. O desenvolvimento do turismo está diretamente ligado à sensação de segurança por parte dos moradores e visitantes”, afirma José Alexandre.

Segundo o Secretário, o turismo rural e o ecoturismo terão um papel importante na retomada das atividades turísticas no período de pós-pandemia. “Para isso, foi criado o projeto Vem Viver Espraiado que vai planejar ações em parceria com os empreendedores locais para a promoção da gastronomia, atrativos naturais e do artesanato”, completou José Alexandre.

Uma nova reunião será organizada para discutir a organização dos espaços públicos e ordenar a sua utilização por parte dos visitantes, principalmente, nos finais de semana.

error: Conteúdo protegido!