06/09/2021 às 12h41min - Atualizada em 09/09/2021 às 12h48min

Pessoas passam mal após consumir peixes pescados nas águas de Ponta Negra

Por Jade Carvalho - Diversas pessoas procuraram a equipe do LSM para relatar que passaram mal após comer os peixes que foram pescados nos últimos dias nas águas da lagoa, do canal e da praia de Ponta Negra.

De acordo com relatos, a carne do peixes, mesmo que preparados com temperos, entre outros condimentos, estava com o sabor diferente, sendo descrito como gosto estranho e esquisito. As pessoas relataram sintomas de infecção, como enjôo, vômito, diarreia, dor de cabeça e dor de estômago.

MORTANDADE DE PEIXES

No último final de semana, toneladas de peixes apareceram mortos na lagoa, no canal e na praia de Ponta Negra. Na manhã de sábado, 4, os pescadores da região se intrigaram ao ver os peixes ‘fugindo’ da lagoa em direção ao mar, ação que nunca havia sido registrada.

Durante a migração dos peixes para o mar, vários pescadores fisgaram os animais no canal, até mesmo com as próprias mãos. Possivelmente esses peixes foram vendidos para os consumidores que passaram mal.

Equipes da Autarquia de Serviços de Obras de Maricá (Somar) trabalharam na limpeza e retirada dos peixes das margens da praia e da lagoa, que já estavam causando mau cheiro.

CAUSAS

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Cidade Sustentável e a Secretaria de Agricultura Pecuária e Pesca, acionou o Instituto Estadual do Meio Ambiente (INEA) para analisar a água da região para descobrir a causa da morte dos peixes.

Os pescadores da região suspeitam que a morte dos peixes esteja relacionada a um material biodegradável que está sendo colocado na água para a realização de estudos no local.

Vale lembrar que, no início deste ano, cerca de 3 toneladas de peixes foram retirados mortos das lagoas de Jacaroá e Caju devido a falta de oxigenação, que é gerada pela poluição e falta de chuvas. Geralmente, casos como esse não são registrados em Ponta Negra devido a troca de água que acontece com o mar, através do canal, mas também é uma das possibilidades.

LAGOA VIVA

A prefeitura lançou na última semana o projeto ‘Lagoa Viva’, que tem o objetivo de reequilibrar o ecossistema e realizar a limpeza das lagoas, que em partes, estão poluídas.

Nota da Prefeitura

Segundo o comunicado da Prefeitura, não houve nenhum registro de atendimento ou hospitalização de pessoas nas unidades de saúde municipais relacionado à suposta indigestão.  

Ainda de acordo nota, o episódio de mortalidade dos peixes em Ponta Negra, não teria ocasionado nenhum tipo de infecção ou indigestão nos consumidores. Além disso, informou que a Vigilância Sanitária realiza fiscalizações nos estabelecimentos que comercializam pescados afim de garantir toda a sua qualidade.  

Matérias relacionadas:

https://leisecamarica.com.br/toneladas-de-peixes-aparecem-mortos-na-lagoa-e-na-praia-de-ponta-negra/
https://leisecamarica.com.br/moradores-e-pescadores-fisgam-peixes-com-as-maos-no-canal-de-ponta-negra/


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp