16/03/2018 às 21h17min - Atualizada em 16/03/2018 às 21h18min

Morador de Itaipuaçu é acusado de sequestro em boato nas redes sociais e quer justiça; Entenda


Por Romário Barros- Foi divulgado em vários grupos de WhatsApp e Facebook do bairro de Itaipuaçu na noite desta quinta-feira, 15, um suposto sequestro onde a vítima seria um idoso que estava jantando no Restaurante Bahia. Um homem foi acusado do sequestro, teve sua foto de exposta, mas tudo não passou de um boato que viralizou rapidamente nas redes sociais. Juntamente com as informações sobre o sequestro, foi espalhada a foto do fotografo Leoni Amorim, morador do bairro de Itaipuaçu, como suposto autor do crime. Sem ninguém se certificar, a informação foi espalhada de forma errada e viralizou nas redes sociais. Leoni é um homem trabalhador e não tem envolvimento nenhum com crime organizado, muito menos usuário de drogas como informado nos compartilhamentos. Além da dor psicológica, a informação errônea causou transtornos a vida pessoal do homem, bem como já está refletindo na sua vida profissional e de sua família. Ele até chegou a fazer um vídeo explicando sobre o episódio. “- Eu estava na rua sem bateria no celular com um amigo. Quando coloquei o celular para carregar recebi a ligação de vários amigos. Eles pediram para ir na casa deles e me explicaram a situação”, disse Leoni ao LSM. Leoni esteve nesta sexta-feira, 16, na DRCI-Delegacia de Repressão a Crimes de Informática, na Cidade da Polícia no Rio de Janeiro, registrando a ocorrência. Segundo a Polícia, todos os responsáveis pelo compartilhamento serão responsabilizados tanto criminalmente através de inquérito policial, como no Judiciário, através de prints e áudios que foram enviados, inclusive aumentando ainda mais a história causando além da Calúnia a Difamação da imagem do homem. Veja os prints sobre o caso [gallery ids="150110,150111,150109,150113,150107,150108,150112,150114,150115"] Veja o vídeo
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp