19/06/2018 às 19h16min - Atualizada em 19/06/2018 às 19h16min

Três assaltos são registrados em diferentes bairros de Maricá


Por Pablo Caneco- Uma onda de assaltos a pedestres tem assustado os maricaenses que precisam circular pela Cidade nas horas de pouca movimentação de pessoas nas ruas. Três casos ocorridos nos bairros do Flamengo, Araçatiba e São José do Imbassaí foram registrados nesta terça-feira, 19, na Delegacia de Maricá (82ª DP). O primeiro caso aconteceu no final da noite do último domingo, 17, na Avenida Roberto Silveira, no bairro do Flamengo. De acordo com informações, uma jovem estava no ponto esperando o ônibus, por volta das 23 horas, quando foi abordada por dois criminosos de capacete que chegaram em uma moto. Ela foi rendida pelo garupa da moto, que estava armado e teve o celular roubado. Após o assalto, a dupla fugiu em direção a Rodovia Amaral Peixoto. Na noite desta segunda-feira, 18, um homem teve a mochila e o telefone celular roubados por criminosos. O crime aconteceu por volta das 23 horas quando dois criminosos chegaram em um veículo e abordaram o homem enquanto ele esperava o ônibus em um ponto no km 23 da RJ-106 (Rodovia Amaral Peixoto), no bairro de São José do Imbassaí. Após recolher os pertences do homem, os criminosos fugiram na pista sentido Niterói. O terceiro assalto aconteceu por volta das 7h40 da manhã desta terça-feira, 19, próximo a Escola Municipal Maurício Antunes Carvalho, no bairro de Araçatiba. Segundo levantamento feito pelo LSM, uma mulher estava caminhando pela Avenida Prefeito Ivan Mundin quando foi rendida por um bandido em uma moto. A mulher entregou o telefone celular e o criminoso fugiu em direção ao Centro de Maricá. RESPOSTA DA POLÍCIA MILITAR Policiais Militares da 6ª Cia de Maricá, do Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS) e do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) têm intensificado o policiamento nos bairros de Maricá, como também na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106) no trecho que corta o munícipio e têm obtido êxito em suas abordagens, resultando em apreensões e prisões de criminosos.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp