22/05/2016 às 15h22min - Atualizada em 22/05/2016 às 15h22min

Repórter WhatsApp LSM: Internauta reclama de rua intransitável em Itaipuaçu

db579afb-b01e-4394-859c-8fadc2cb644c

db579afb-b01e-4394-859c-8fadc2cb644c

Através do WhatsApp LSM, a internauta Danielle Pires reclamou da situação da Antiga Rua 76, no Loteamento Jardim Atlântico, em Itaipuaçu. Segundo a internauta, os moradores da atual Rua Elzira Dias Gomes estão passando por dificuldades de locomoção por conta do lamaçal que se tornou a rua. Ela reclama ainda que a Prefeitura estava realizando uma obra na Rua, mas que ela foi abandonada. "- A nossa rua ainda não foi asfaltada, mas já estava com a terra bem batida, o que não nos impedia o acesso mesmo em dias de chuva, porém, no último mês a Prefeitura iniciou uma obra para manilhamento e nivelamento da rua para então iniciar a pavimentação.  Obra iniciada, diversas escavações, colocação das manilhas e para cobrir as mesmas foi utilizado Barro e nada mais. A partir dai, a obra foi abandonada na nossa rua e passou para outra rua já,  e agora, diante da chuva, os moradores estão impedidos de chegar de carro até a suas casas, pois os carros atolam no barro mole que foi utilizado. Estamos sendo obrigados a deixar os nossos carros em outras ruas e seguir caminhando, com sacolas amarradas nos pés e também correndo risco de atolar", disse a internauta. Danielle Pires pede que a Prefeitura de Maricá tome algum tipo de atitude para acabar com o problema na Rua. "- Tentamos contato com a Prefeitura, porém nenhum dos telefones atendem e estamos de pés e mãos atadas. Esse descaso da Prefeitura com os moradores não pode seguir. As obras de pavimentação são necessárias e muito bem vindas, mas é preciso que se organizem e façam uma rua de cada vez e não simplesmente comecem e interrompam deixando os moradores em situação precária," finalizou a internauta. Os internautas do LSM podem enviar fotos junto com reclamações sobre seu bairro para a coluna “Você é o Repórter no LSM”, a seção de jornalismo participativo do jornal, através do e-mail: [email protected] ou pelo WhatsApp LSM: (21) 99749-6154.
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp