04/05/2017 às 10h25min - Atualizada em 04/05/2017 às 10h30min

Dep. Federal Marcelo Delaroli defende intervenção federal na Segurança Pública do RJ

[gallery columns="1" link="none" size="full" ids="119229"] Integrante da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, o deputado federal Marcelo Delaroli (PR-RJ) tem enfatizado, através de discursos na Câmara dos Deputados, a necessidade urgente de intervenção federal na segurança pública do Estado do Rio de Janeiro. Delaroli afirma que apenas o envio de agentes da Força Nacional e da Polícia Rodoviária Federal é insuficiente para reprimir e combater os marginais. O parlamentar defende a inclusão do Exército e da Marinha para auxiliarem o trabalho dos policiais militares e civis do Rio de Janeiro. Segundo o deputado, homens e mulheres da Polícia Militar vêm se superando dia a dia, sendo que na última terça-feira, mais uma vez, deram exemplo de como se trabalha com inteligência e dedicação, quando apreenderam 32 fuzis e prenderam 45 criminosos em uma única comunidade na zona norte, mesmo diante das graves dificuldades que a tropa enfrenta - atrasos de salários, efetivo reduzido, condições inadequadas de trabalho. O Ministério da Justiça anunciou o envio de 100 homens da Força Nacional e de 100 da Polícia Rodoviária Federal, mas para Delaroli é preciso incluir as Forças Armadas no socorro ao Rio. Na avaliação do deputado, o Estado vive hoje a maior crise de segurança pública do país. “A Polícia Militar está nas ruas, mas precisa de ajuda. Temos que impedir a entrada de armamentos nas comunidades e, para isso, é fundamental o auxílio do Exército e da Marinha, fechando o Estado do Rio por terra e pelo mar, para evitar a chegada de armas às facções criminosas”, afirma Marcelo Delaroli. Além do apoio das Forças Armadas, ele considera fundamental melhorar as condições de trabalho das polícias e reforçar o efetivo. “No caso da Polícia Militar, estamos cobrando a convocação dos 4 mil aprovados no concurso de 2014. O governador garantiu que chamaria, vamos continuar em cima, cobrando”, conclui. Veja o discurso do Deputado no vídeo abaixo
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp