06/06/2019 às 20h28min - Atualizada em 06/06/2019 às 20h28min

Confusão entre camelô e cliente termina na Delegacia de Maricá

Por Mauro Luís- Guardas Municipais de Maricá apreenderam pen drives e cartões de memória de um camelô na Rua Senador Macedo Soares, no Centro de Maricá, após uma discussão entre o vendedor e um cliente na tarde quinta-feira, 6. O caso foi parar na delegacia por conta de uma nota falsa de R$50 (cinquenta Reais).

A confusão aconteceu por volta das 15h45, próximo a agência do banco Bradesco. De acordo com informações, Guardas Municipais do Grupamento Tático Operacional (GTO) realizavam patrulhamento pela região quando foram informados por um orientador de trânsito sobre uma discussão entre dois homens no meio da rua.

Os GMs foram até o local e abordaram os envolvidos. Um homem se apresentou como PM e informou que havia comprado um pen drive na barraca e ao testar percebeu que não estava funcionando.

O homem foi até a barraca para devolver o produto e recuperar a quantia de R$ 50,00 (Cinquenta Reais) que havia pago. Porém, ao receber o dinheiro, o militar constatou que a nota era falsa. Já o vendedor informou que a nota devolvida foi a mesma paga pelo PM, uma vez que essa foi a única nota recebida.

Os envolvidos foram levados para a Delegacia de Maricá (82ª DP), onde o caso foi registrado.

Foram apreendidos 15 dispositivos de memória (sendo 7 pen drivers e 8 cartões micro SD) por suspeita de fraude. A nota falsa também foi apreendida e será periciada.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp